quinta-feira, 3 de dezembro de 2009

Bhopal, Índia: 25 anos depois, a agua contaminada

Bhopal, Índia: 25 anos depois, a agua contaminada

Por Sergio U. Dani, de Göttingen, Alemanha, 3 de dezembro de 2009

Quando as autoridades governamentais disserem que sua água e sua saúde vão
bem, desconfie ou acredite que tudo vai mal. Quando se trata de contaminação
ambiental, governantes, técnicos e políticos despreparados, irresponsáveis
ou mesmo corruptos tendem a ocultar a verdade, para "não prejudicar
imagens", e assim protegem interesses dos grupos econômicos que os apóiam.
Chegam a escolher "laboratórios confiáveis" para produzir exames e laudos
"oficiais", que usam para "tranquilizar" a população, enquanto a população,
anestesiada e enganada, continua doente, morrendo por causa da poluição, e
votando com confiança nos políticos e governantes enganadores.


Assim aconteceu em Paracatu no caso da água contaminada pela mineradora
canadense Kinross Gold Corporation, em que o laboratório "oficial" do
governo de Minas Gerais, o CETEC, apresentou um laudo contradizendo o laudo
de um laboratório independente de Uberlândia. O laudo de Uberlândia indica
grave contaminação ambiental, enquanto o laudo do governo indica apenas
leves alterações. E um promotor público engoliu o laudo do governo e chegou
a ir à televisão, rádio e jornal para "tranquilizar" a população.

Assim acontece em Paracatu, Brazil, e assim acontece em Bhopal, Índia,
conforme conta a reportagem de Sara Goodman, publicada dia primeiro de
dezembro na revista Scientific American, sobre os resultados do mais recente
relatório ambiental sobre a catástrofe de Bhopal.

Na tarde do dia 2 de dezembro de 1984, uma nuvem de gás tóxico escapou da
fábrica de pesticida da transnacional Union Carbide em Bhopal, matando pelo
menos 3000 pessoas imediatamente. Desde então, outros milhares de pessoas
estão morrendo ou sofrendo problemas de saúde como resultado da exposição
crônica à poluição que persiste no ambiente contaminado pela transnacional.

Vinte e cinco anos depois do acidente de Bhopal, a contaminação da água está
piorando, à medida que os produtos químicos penetram pelo solo e atingem o
aquífero, conforme mostra o novo relatório, publicado por Colin Toogood.
Depois que a fábrica da transnacional fechou, o governo local assumiu a
responsabilidade pelo local, em 1998, e a Union Carbide agora é uma
subsidiária da Dow Chemical Co. Os governantes indianos dizem que a
contaminação está "sob controle" e não representa um risco para a saúde
pública. Eles dizem que fornecem água de boa qualidade para a população. Mas
o relatório independente de Toogood indica que a contaminação ambiental é
persistente e traz consequências duradouras para as pessoas expostas a ela.
A população apresenta altos índices de malformações congênitas, câncer,
doenças neurológicas, ciclos menstruais caóticos e doenças mentais.

Os pesquisadores colheram amostras de água subterrânea em 20 locais e
enviaram para um laboratório em Delhi, India. Como o laboratório não
encontrou produtos químicos nas amostras de água, os pesquisadores enviaram
duplicatas das amostras para um laboratório na Suíça, que acusou altos
níveis de compostos clorados em duas de cada tres amostras. Os resultados do
laboratório suíço mostram concentrações de clorofórmio 3,5 vezes mais altas
que as concentrações recomendadas pela OMS e EPA, e tetracloreto de carbono
em concentrações 2400 vezes mais altas que as recomendáveis.

Por causa das amostras altamente contaminadas e das discrepâncias entre os
laboratórios, Colin Toogood quer análises independentes em torno do local
contaminado, incluindo um estudo em grande escala envolvendo monitoramento e
amostragens de longo prazo das água subterrâneas.
Fonte:

Sara Goodman. Poisoned Water Haunts Bhopal 25 Years after Chemical Accident.
A new report says water contamination is worsening as chemicals leach
through soil into the aquifer.
http://www.scientificamerican.com/article.cfm?id=groundwater-contamination-india-pesticide-factory&SID=mail&sc=emailfriend

--
Sergio Ulhoa Dani, Dr.med., D.Sc. habil.
Göttingen, Germany
Tel. 00(XX)49 15-226-453-423
srgdani@gmail.com

Visit the Acangau Foundation websites at:
http://www.sosarsenic.blogspot.com/
http://www.acangau.net/
http://www.alertaparacatu.blogspot.com/
http://www.serrano.neves.nom.br/