sexta-feira, 13 de março de 2009

Acidente com produto corrosivo transportado para a RPM-Kinross mata motorista e polui vereda em Paracatu

Paracatu, 2 de março de 2009

*Acidente com produto corrosivo transportado para a RPM-Kinross mata motorista e polui vereda em Paracatu*

ASSISTA O VÍDEO AO FINAL DO TEXTO

Milhares de litros de um líquido fétido, negro e corrosivo derramaram nesta
manhã às margens da rodovia BR-040, a cerca de 30 km da cidade de Paracatu,
quando o caminhão que transportava a carga tombou. O motorista do caminhão
morreu em decorrência do acidente.

A substância era transportada em bombonas pela Transportadora Nikini para a
mineradora transnacional, RPM-Kinross, e foi parar em uma vereda,
contaminando-a. Segundo a chefe do serviço de comunicação da mineradora,
Valéria Marcondes, trata-se de um floculante usado no processo de
hidrometalurgia para recuperar ouro do minério moído. O floculante contém
sulfato inorgânico, um álcali forte de pH 13, altamente corrosivo. Os
rótulos do produto indicavam "CYTEL - Aero 3473 Promoter".

Um colaborador da Fundação Acangaú, que pediu para não ser identificado,
passava pelo local e parou para fazer fotos com seu telefone celular. Um
oficial da Polícia Militar tentou impedi-lo, ameaçando tomar-lhe o celular.
Prontamente, o oficial da Polícia Rodoviária Federal interveio em defesa do
nosso colaborador, e garantiu seu direito de fazer as fotos, que ilustram
esta reportagem.

Uma equipe da mineradora compareceu ao local para fazer a descontaminação,
mas até o momento o Alerta Paracatu não apurou a extensão da poluição e seus
efeitos sobre o curso d'água contaminado, a flora e a fauna aquática, e o
subsolo.



-- 
Sergio Ulhoa Dani
Reserva do Acangaú, zona rural
Caixa postal 123
38.600-000 Paracatu MG
Brasil
srgdani@gmail.com
(+55 38) 9913-4457
(+55 38) 9966-7754